4 curiosidades sobre bebidas alcoólicas

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por mateus
em janeiro 24, 2023

Tudo o que você precisa saber para ter na sua casa uma adega pessoal

Muitas pessoas desejam ter uma adega em casa, assim não precisam recorrer sempre a lojas de bebidas ou supermercados. Mas para ter a adega particular, é necessário ter alguns conhecimentos básicos sobre as principais bebidas alcoólicas, sendo uma forma de manter a qualidade das bebidas e também de sempre manter o estoque com as melhores opções disponíveis. 

No tópico abaixo, vamos abordar 4 principais curiosidades sobre as bebidas mais famosas do mundo. Poderá conhecer mais sobre os melhores whiskys, vinhos, cervejas e gins, que são os tipos de bebidas mais consumidas ao redor do globo. Através das curiosidades há o motivo delas serem tão famosas. 

Whisky

O whisky é um dos destilados mais famosos do mundo. A bebida é frequentemente representada como uma forma de poder econômico e social em filmes, séries e shows, personagens com muito dinheiro ou de importante posição social, por isso, essa bebida carrega muito significado. 

Para curiosidade, o whisky é destilado de grãos, entre eles estão a cevada, o milho e o centeio. Mas independentemente do ingrediente utilizado, o fator que predomina o sabor e o aroma da bebida é o barril e o tempo de fermentação. E não pode ser qualquer barril, precisa ser um com material de carvalho, para que o processo químico ocorra de forma predominante do whisky. Qualquer outro material utilizado não vai resultar na bebida autêntica. 

Outra curiosidade sobre o whisky é que a água, em pequena quantidade, não altera o seu sabor ou teor alcoólico. A água ajuda a intensificar processos químicos do whisky, que trazem o aroma e sabor. A mesma lógica não serve para água de coco ou outros tipos de bebidas, que podem enfraquecer o teor alcoólico do whisky e alterar o aroma e sabor.

Vinho 

O vinho é considerado uma bebida sofisticada, mas também delicada. Está presente na gastronomia não só como um acompanhante das refeições, mas também como um dos ingredientes dos pratos. Os vinhos tintos são constantemente utilizados na preparação de molhos especiais para carnes bovinas, pois ajudam a  acentuar melhor o sabor. 

Outra curiosidade sobre o vinho é que a temperatura pode alterar o sabor mesmo depois da bebida ser aberta e servida, por isso é importante estar atento a forma com que se segura a taça. A haste da taça é o melhor lugar para segurar, porque assim evita que a bebida esquente e o sabor seja alterado. 

Cerveja

O maior choque para um brasileiro sobre cervejas é que elas não precisam ser servidas geladas. Na Alemanha, por exemplo, as cervejas extremamente geladas são um erro, os alemães acreditam que quanto mais gelada essa bebida for, menos saborosa ela será. O que é totalmente o oposto no Brasil, que é exigência para uma cerveja ser considerada boa. 

Uma característica positiva para cerveja é se ela espuma ou não. Quanto mais espuma fizer, melhor é a bebida. No Brasil existe uma técnica de colocar a cerveja no copo sem criar espuma, mas o aconselhável é que seja criada essa reação química no copo, para que a fermentação não ocorra diretamente no estômago. 

Gin

O gin, considerado por muitas pessoas uma bebida jovem, não é tão jovem assim. A bebida produzida em meados de 1650 na Holanda não foi proposital, na verdade, foi durante a tentativa de fabricação de um remédio que surgiu o gin, que agora é uma das bebidas mais consumidas no mundo. 

Uma das combinações mais populares é o gin com água tônica, esse drink virou um clássico dos principais bares e baladas do país, que praticamente vendem a dupla juntas quando alguém solicita o gin. 

Você vai gostar também:

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade