Checklist para fazer antes da trilha de moto

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por Carlos Meira
em novembro 24, 2022

Fazer trilha é muito mais do que simplesmente cair no barro: sempre é preciso seguir um roteiro para manter tudo organizado e dentro das expectativas de um lazer com qualidade de vida

Ao contrário de quem está acostumado com a rotina dos delivery, sair para um rolê em trilhas é bem diferente. A primeira dica: tenha acessórios para motocross. Assim, você estará sempre protegido e consciente do seu lazer ou esporte sempre na medida certa. Afinal, o mais importante é a valorização da qualidade de vida, que sempre necessita de equipamentos de qualidade. Vai acelerar na natureza? Então se ligue nessas dicas! 

Tenha equipamentos de qualidade     

Fazer uma trilha de moto necessita de equipamentos bem mais requintados, que vão desde a escolha do capacete certo e de acordo com as suas aventuras, como botas, luvas, óculos, colete, mochila de água, entre outros. 

Portanto, ninguém pode se aventurar da noite para o dia. É preciso preparo, planejamento e disciplina. Como há desníveis nos caminhos, barros, pedras, barrancos, trilhas etc., os equipamentos são fundamentais para garantir sua segurança. Nesse momento, valorize sempre o que há de melhor no mercado.    

Esteja em cima da moto certa  

Fazer trilha com uma CG é furada. Além de acumular prejuízos, certamente o fim do rolê não será 100%. Motocross e trilhas exigem motos específicas. Não caia em ciladas.  

Portanto, faça a escolha certa, insira os equipamentos corretos e invista em uma moto que seja para trilha, mantendo sempre o básico: 200 cilindradas e quatro tempos — considerada uma configuração básica para começar nesse meio de lazer ou esporte. 

Organize seus equipamentos 

Como já adiantamos acima, manter-se equipado é essencial na hora de pegar uma trilha. Dessa forma, nunca deixe de fazer um checklist. Alguns dos equipamentos que você deve ter são: 

  • óculos; 
  • botas; 
  • capacete; 
  • luva; 
  • camisa corta vento; 
  • joelheira; 
  • colete; 
  • cotoveleira. 

Além disso, sempre evite ficar sozinho e mantenha seu celular carregado e com o GPS em pleno funcionamento. 

Faça uma revisão   

Sair para trilha é como pegar a estrada: sempre é preciso manter a revisão em dia. Portanto, observe o nível do óleo, veja se a corrente está ok, verifique os freios, acelerador, enfim, faça uma geral antes de cair no barro.  

Nunca se esqueça de analisar os pneus, realizar a calibragem e também de contar com a avaliação de especialistas.  

Verifique sua saúde  

Seja motocross ou trilha de moto, sempre é importante ficar atento com a sua saúde. Por isso, é importantíssimo manter os exames em dia. 

Analise o seu nível de colesterol e também a sua pressão. Afinal, são fatores de risco que podem trazer sérias consequências em caso de um tombo ou até mesmo um desgaste acima do esperado. 

Nesse sentido, vale a pena também contar com orientações de um educador físico, fisioterapeuta, nutricionista ou clínico geral. Afinal, a sua saúde deve sempre vir em primeiro lugar. 

Proteja a sua pele 

Proteger a pele é atitude consciente de quem anda de moto. Por isso, tenha sempre um protetor solar em sua mochila e nunca deixe de se hidratar. 

Outra dica fundamental é manter o seu corpo sempre fortalecido com sais minerais e nutrientes. Nesse sentido, leve barras de cereal, frutas e também isotônicos. Afinal, todos esses são parceiros de uma trilha saudável. 

Convide amigos do coração   

Como não poderia faltar, nada melhor do que um rolê de moto na natureza com bons e velhos amigos. Portanto, esses contatos devem sempre fazer parte do seu checklist. Afinal, o que levamos dessa vida são momentos e boas recordações.  

Seguindo as nossas dicas, certamente o seu rolê será memorável, sempre com um gostinho de quero mais!

Você vai gostar também:

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade