Como funciona o adestramento para gatos?

Tempo de leitura: 5 min

Escrito por admin
em maio 13, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

Depois dos cães, os gatos são os animais favoritos para se ter como pets dentro de casa. Principalmente por conta da sua personalidade única e imprevisível, assim como a sua aparência bastante convidativa.

São seres realmente dóceis e que gostam de um aconchego junto aos donos. Mas inevitavelmente irão trazer algumas dores de cabeça para os donos de primeira viagem. Por terem muita energia, os gatos adoram interagir com praticamente tudo.

E infelizmente muitas destas brincadeiras podem trazer prejuízos reais e caros. Afinal de contas, que nunca viu um gato empurrar algum item da borda de uma mesa só para ver ele cair?

Sua agilidade contribui para que o animal ainda consiga acessar lugares bastante desafiadores. O que deixa praticamente tudo vulnerável.

Isto se não contarmos outros possíveis riscos que praticamente qualquer pet pode trazer para a sua mobília.

Alguns tentam apostar em cursos online de adestramento. E realmente, esta é uma excelente opção.

Então hoje iremos mostrar para você como funciona o adestramento para gatos de uma maneira simples e cara para que você decida se vai ou não investir seu tempo nesta atividade.

Vamos conferir?

Como funciona o adestramento para gatos?

Primeiramente é importante dizer que assim como um cachorro, um gato não terá a capacidade de entender mais do que um simples “não” ou seu próprio nome em nossa linguagem.

Então, a comunicação para que ambas as partes se entendam e comecem a cooperar de maneira eficiente é exatamente através do velho relacionamento de ação com recompensa.

Você faz um animal agir de determinada forma e então dá uma recompensa para ele.

Normalmente esta recompensa precisa ser algo que entregue um prazer imediato, que sirva para mostrar que você realmente aprovou e apoia este comportamento.

Então este ciclo precisa ser reforçado até que o animal se sinta compelido a realizar aquele ato sem qualquer tipo de recompensa.

Isto acaba se tornando com o tempo cada vez mais fácil, e então vale a pena contar com um pouco de perseverança. Nos primeiros dias pode ser realmente difícil criar um hábito no animal, mas isto vai melhorando aos poucos.

O que serve como recompensa

A recompensa mais eficaz é algo de comer, e no caso dos gatos deve ser algo bem aromático no sentido certo. Não adianta dar uma comida que seria comum para nós, precisar ser algo que eles gostam.

Normalmente uma comida em sachê especial serve de maneira muito positiva. Mas também é muito comum encontrar gatos que gostem de frutas.

Até mesmo alguma isca de peixe ou carne são excelentes escolhas dependendo do gosto do seu gato. Tudo vai depender bastante de como ele irá reagir e o quanto ele demonstra querer aquele petisco.

Lembrando que você deve controlar as quantidades. Excessos podem fazer com que o animal ganhe peso, e também é comum que se você der petiscos demais, ele acabe se desinteressando pela atividade, pois já está cheio.

Cuidados ao escolher petiscos

É importante tomar alguns cuidados básicos quanto a recompensa que você vai dar ao seu animal.

Primeiramente evite dar carnes cruas. Comentamos em peixes e carnes em geral, e eles realmente adoram. Mas evitar carnes cruas é essencial, pois eles podem facilmente contrair alguma contaminação.

Além disso, é importante dizer que o paladar deles é diferente do nosso, por isso não se deve temperar as comidas. Isto para alguns donos de gatos pode parecer surpreendente, mas os temperos acabam realmente prejudicando a digestão do animal.

E claro, no caso de frutas é importante que você evite aquelas frutas mais ácidas. Isto pode inevitavelmente trazer problemas digestivos para o animal, pois o estômago deles é mais sensível que o nosso. 

Como remover hábitos negativos

No caso de hábitos negativos, será realmente mais complicado do que reforçar hábitos positivos. Mas de maneira nenhuma agrida o animal, pois ele apenas ficará com medo e confuso, sem entender realmente o que aconteceu.

Se quiser desestimular algo que seu gato faz, fique de olho e vigie o animal até que ele comece a fazer o que não deve. Então, diga simplesmente um não bastante ríspido.

É desaconselhado gritar no animal, afinal de contas a audição dos gatos é muito mais sensível que a nossa. Basta apenas dar o seu recado e remover o animal caso ele persista, mas com cuidado.

Uma outra maneira inofensiva é ter um spray de água, borrifando nele sempre que o animal sair da linha.

Lógico, você não irá dar um banho no seu gato, mas com certeza uma pequena borrifada já será o suficiente para que ele desista do que está fazendo.

No caso de arranhar a mobília a situação é um pouco diferente. Gatos possuem a necessidade de arranhar e esticar as patas. Mas para que isto não se torne um problema é necessário que você proveja um arranhador.

Para que ele foque este tipo de atividade no arranhador é possível utilizar vários produtos que desestimulam os arranhões nos móveis e que estimulam no arranhador. A erva de gato é excelente para este propósito.

Colocar o arranhador perto de onde o animal gosta de arranhar também será uma possível ajuda.

Conclusão

Como você pode ver, a rotina de adestramento para gatos não difere muito da rotina de adestramento para um cachorro ou outro animal semelhante. Mas é sempre importante entender como é o comportamento dos felinos para evitar problemas mais complicados no longo prazo.

Afinal de contas, gatos possuem uma paciência muito mais curta do que cães, e tentar exagerar na dose pode ser complicado.

Então, aproveite para fazer cursos online com certificado para que você tenha plena capacidade de investir o seu tempo de maneira correta com as técnicas corretas. Mostre que você tem plenas capacidades de atender às demandas necessárias para aplicação de uma boa tutoria.

A recompensa se vê no longo prazo, mas é realmente algo muito positivo.

Então por hoje é isso, esperamos que você tenha aprendido os principais pontos sobre como funciona o adestramento para gatos.

Mas se ainda existe alguma dúvida sobre o tema, sem problemas. Estamos à disposição nos comentários, ok?

Até a nossa próxima dica!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.