Mundo pet: como adaptar a casa para receber o novo melhor amigo

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por mateus
em janeiro 23, 2023

Adaptar a casa para receber um novo amigo pode ser uma tarefa árdua, mas através dessas informações, isso pode ser facilmente resolvido

Os pets são os melhores amiguinhos que alguém poderia ter, sendo considerados, até mesmo, verdadeiros integrantes da família. Cuidar com todo cuidado do mundo dos pequeninos requer uma parcela de esforço, como, por exemplo, adaptar a casa para receber o animal que trará alegria para o lar.

Dentro dessas adaptações, ter alguns brinquedinhos como um arranhador para gatos, pode ser bastante útil para evitar algumas destruições iminentes. Afinal de contas, os gatinhos precisam de algo para arranhar e afiar suas preciosas garras, e esse utensílio é perfeito para isso.

Pensando em ajudar o futuro dono de algum animal a se preparar para a vinda do novo animalzinho para o ambiente, logo abaixo será possível observar as melhores dicas que, certamente, serão fundamentais para receber qualquer novo amiguinho que está prestes a chegar.

Dicas para receber um animalzinho de estimação

Sabemos que os cachorrinhos e gatos são bastante amorosos e que gostam de ter o seu próprio espaço. Então, para recebê-los, será preciso pensar em um lugar bastante estratégico, para que ele não fique longe do dono e também não se sinta incomodado. Mas, isso se aplica apenas aos animais domésticos casuais, pois ao lidar com outros animais como coelhos, cobras, entre outros, a situação é muito diferente.

Adaptações para receber uma cobra

Algumas cobras foram liberadas pelo Ibama como animais de estimação, mas isso se aplica somente para as espécies que não possuem peçonha. Para ter um animalzinho desse em casa, é necessário se atentar a diversos cuidados, como o local onde o animal ficará, por exemplo.

Geralmente, esses animais ficam dentro de um aquário próprio, que precisa ser espaçoso e que imite o habitat comum do animalzinho. Lembrando que ao adquirir uma cobra de estimação, é importante transformar o aquário em um habitat bom para ela, para evitar assim, o estresse do animalzinho e futuros problemas.

Adaptações para pássaros

O primeiro ponto que deve ser mencionado é que a criação de pássaros para deixá-los engaiolados é totalmente proibida pelo Ibama. Então, para se ter uma ave de estimação, ter um viveiro totalmente aberto que dê liberdade para o pássaro, é extremamente essencial.

Seja um canário, uma calopsita ou até mesmo um papagaio, a adaptação que deverá ser feita na casa é praticamente a mesma. No caso, montar um viveiro que tenha todas as acomodações que o animalzinho necessita. Para isso, basta comprar um viveiro, que é geralmente comercializado por pet shops, e montá-lo em algum lugar da casa onde seja seguro para o animalzinho.

Adaptações para tartarugas

As tartaruguinhas aquáticas estão se tornando um pet de estimação bastante cobiçado por milhares de pessoas, afinal, esse animalzinho bastante bonitinho é bem dócil quando não se sente ameaçado. E para cuidar de uma é muito fácil. Sendo apenas necessário adquirir um aquário próprio para ela, realizar limpezas periódicas e certificar-se de ter a comidinha própria para o animal.

Coelhos de estimação

Os coelhos são um dos animais mais difíceis para se cuidar. Afinal, ao adquirir um, será necessário, além das adaptações na casa, prestar muita atenção na saúde do animalzinho e se atentar na alimentação. Após resolver esses detalhes, será necessário adquirir uma casinha ou cama própria para o pequeno animal, e colocá-lo em um lugar onde possui total certeza de que o animalzinho estará seguro.

Então, com todas essas dicas que foram mencionadas no decorrer deste artigo, é possível observar o quanto pode ser necessário mudar partes da casa para receber o pet. Mas isso não é nenhum grande esforço, quando comparado a todo amor e alegria que os pequenos irão trazer para o lar e para a vida.

Você vai gostar também:

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade